SEGA

SEGA está vendendo a Relic Entertainment e cortando 240 empregos na Europa

Desligamentos na SEGA afetarão Creative Assembly, Hardlight e escritório na Europa

SEGA

SEGA vende desenvolvedora de Company of Heroes, Age of Empires e Homeworld

A SEGA anunciou a venda da Relic Entertainment, especializada em jogos de estratégia em tempo real, como Company of Heroes e Age of Empires. A empresa revelou que está vendendo a Relic para um novo investimento baseado no Reino Unido, chamado Emona Capital LLP. Mais detalhes sobre a venda não foram revelados.

A maioria dos 240 funcionários demitidos acontecerá na Creative Assembly e na SEGA Europa, com um número pequeno de trabalhadores sendo desligados na Hardlight, com todas as três empresas com sede no Reino Unido.

Leia mais

Após uma revisão do planejamento de médio prazo de seus estúdios europeus, a SEGA também anunciou que decidiu “implementar baixas contábeis de trabalho em andamento de alguns títulos em desenvolvimento”. Como resultado, espera registrar uma perda de 5,6 bilhões de ienes (US$ 31 milhões) como custo de vendas.

SEGA Company of Heroes

“A SEGA está trabalhando em estreita colaboração com a Relic nesta mudança, e desejamos o melhor para o futuro deles,” disse o recém-nomeado chefe da SEGA Europa, Jurgen Post, aos funcionários.

SEGA Company of Heroes

“Quero pedir sinceramente desculpas pela preocupação e aflição compreensível que esta notícia causará, especialmente para aqueles diretamente afetados. Essas decisões foram extremamente difíceis de tomar e seguiram uma consideração meticulosa e deliberação com as equipes de liderança em toda a empresa.

“A mudança é necessária para garantir o futuro de nosso negócio de jogos e para garantir que estejamos bem posicionados para oferecer as melhores experiências possíveis aos nossos jogadores no futuro. Precisamos simplificar, nos concentrar no que fazemos de melhor e nos posicionar da melhor maneira possível para o caminho à frente. Para fazer isso, precisamos responder ao cenário econômico em mudança e aos desafios que enfrentamos na forma como desenvolvemos nossos produtos e os lançamos no mercado.”

A sede europeia da empresa demitiu 121 funcionários em maio de 2023, e em setembro, cortou mais 250 trabalhadores, cancelando projetos como o jogo Hyenas, da Creative Assembly.

Com informações de: VGC


A Game Arena tem muito mais conteúdos como este sobre esportes eletrônicos, além de games, filmes, séries e mais. Para ficar ligado sempre que algo novo sair, nos siga em nossas redes sociais: TwitterYouTubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Notícias

1

Notícias

Shin Megami Tensei V: Vengeance – Conheça a rota da Vingança, que muda a história do jogo original de 2021

2

Notícias

Prince of Persia: criador da série diz que viu os problemas da Ubisoft com a franquia, mas acha que a empresa encontrou uma solução

3

Notícias

Pac-Man Mega Tunnel Battle: Chomp Champs – Novo game do mascote amarelo ganha data de lançamento; Confira os detalhes

4

Notícias

Dragon’s Dogma 2: speedrunner termina jogo em menos de duas horas, “pelado”, e sem armas

5

Notícias

Dead Space 2 Remake: Jornalista confirma congelamento do desenvolvimento