Odyssey

Blizzard: Odyssey estava em desenvolvimento há seis anos

Odyssey seria o novo jogo da Blizzard

Blizzard: Odyssey estava em desenvolvimento há seis anos

Odyssey era o novo jogo de sobrevivência da Blizzard

O jogo de sobrevivência da Blizzard, conhecido pelo codinome Odyssey, foi cancelado após mais de seis anos em desenvolvimento. Este projeto estava sendo liderado por Dan Hay, ex-diretor de Far Cry, e prometia transportar os jogadores para um “universo completamente novo”.

Um relatório recente da Bloomberg forneceu detalhes adicionais sobre o projeto cancelado da Blizzard. A ideia começou a ser desenvolvida há seis anos, seguindo um conceito apresentado pelo desenvolvedor da Blizzard, Craig Amai, em 2017. A proposta era criar um jogo de sobrevivência nos moldes de Minecraft e Rust, mas oferecendo uma experiência mais refinada.

Leia mais

Inicialmente, a Blizzard manteve seu foco em IPs já estabelecidos, como Diablo, mas nos últimos anos concentrou-se mais no Odyssey, contando com uma equipe relatada de mais de 100 pessoas. Apesar do aumento de pessoal, o Odyssey enfrentou desafios devido a uma série de problemas tecnológicos. Inicialmente prototipado no Unreal Engine, o desenvolvimento foi transferido para o Synapse, motor interno da Blizzard usado para jogos móveis, a fim de oferecer suporte à escala ambiciosa do jogo, podendo comportar até 100 jogadores por mapa.

Activision Blizzard Odyssey

No entanto, essa mudança acarretou em problemas próprios, com a Bloomberg afirmando que “a tecnologia demorou para se consolidar”. Fontes indicaram que os artistas do Odyssey gastavam tempo prototipando conteúdo no Unreal Engine, sabendo que teriam que descartá-lo mais tarde. Quando a Microsoft adquiriu a Activision Blizzard no ano passado, a esperança era voltar ao Unreal Engine, o que não ocorreu.

Apesar desses contratempos, o Odyssey recebeu elogios daqueles que tiveram a chance de experimentar versões iniciais do jogo. Os jogadores viam potencial no jogo de sobrevivência da Blizzard, mesmo sabendo que o lançamento (inicialmente planejado para 2026, segundo relatos) estava longe.

Por fim, o projeto foi cancelado devido à versão no Synapse não estar pronta para produção, resultando na demissão de muitos membros da equipe do Odyssey. “Sem emprego para mim. Fui dispensado da Blizzard, assim como muitos outros na equipe de Sobrevivência”, compartilhou Matt London, ex-diretor narrativo associado do jogo, ontem.

Andrew Reynolds, porta-voz da Blizzard, comentou sobre o cancelamento do Odyssey: “Apesar de serem decisões difíceis, a experimentação e a disposição para correr riscos fazem parte da história e do processo criativo da Blizzard. Ideias podem encontrar caminho para outros jogos ou, em alguns casos, tornarem-se jogos por si próprias. Iniciar algo completamente novo é uma das tarefas mais desafiadoras na indústria de jogos, e somos profundamente gratos a todas as pessoas talentosas que apoiaram o projeto.”

Com informações de: Eurogamer


Game Arena tem muito mais conteúdos como este sobre esportes eletrônicos, além de games, filmes, séries e mais. Para ficar ligado sempre que algo novo sair, nos siga em nossas redes sociais: TwitterYoutubeInstagramTik TokFacebook e Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Notícias

1

Notícias

Rumor: Skull and Bones conta com menos de 1 milhão de jogadores

2

Notícias

Guia de Ultimate Team: Fantasia FC traz cartas com chance de até quatro upgrades

3

Notícias

Nightingale deve adicionar modo pedido pelos jogadores em breve

4

Notícias

The King of Fighters XIII chega ao Switch e ganha edição de colecionador especial

5

Notícias

Marvel’s Spider-Man 2: final do jogo poderia ter sido bem diferente