Games

Bungie troca diretor de Marathon em meio a rumores de mudança na liderança do estúdio

Bungie pode estar prestes a mudar lideranças no estúdio

Bungie Marathon

Bungie anuncia novo diretor de Marathon em meio a relatos de mudanças no estúdio

A Bungie anunciou na última terça-feira (19) a mudança de diretor de Marathon, o retorno da franquia de tiro clássica da empresa. A mudança de liderança acontece durante uma série de relatos de que o estúdio está sofrendo com mudanças nos cargos criativos.

O atual diretor de Marathon será o ex-diretor de Valorant, Joe Ziegler, que confirmou o novo cargo por meio de uma publicação no Twitter. “Nos últimos 9 meses tenho trabalhado em Marathon como diretor do jogo”, escreveu Ziegler. “Ainda estamos cozinhando, mas estou animado para compartilhar com vocês mais informações sobre o jogo à medida que nos aproximamos cada vez mais de trazê-lo para todos vocês.”

Leia mais

A novidade chega logo após uma reportagem da IGN, que sugere que o estúdio está se preparando para mudar a liderança, em uma tentativa de lançar Marathon antes do verão americano de 2026.

Recentemente, o jogo foi adiado para 2025, mas fontes da IGN disseram que o verão americano de 2026 é quando o último pagamento da Sony pela Bungie deve sair, e é amplamente esperado pela equipe que uma série de desenvolvedores sênior sejam desligados.

Marathon Bungie

Marathon já tinha mudado de direção desde quando Ziegler assumiu o jogo, segundo a reportagem da IGN, com uma fonte alegando que o título agora terá um número de heróis definidos para os jogadores escolherem, ao invés de personagens customizáveis.

Bungie Marathon

Em outubro de 2023, a Bungie sofreu com uma série de demissões, que resultou em baixas na equipe de Destiny 2. Com 100 funcionários desligados, o desenvolvimento de Marathon sofreu um duro baque, com alguns benefícios de funcionários sendo cortados, o que prejudicou o clima interno da empresa.

Várias fontes na época e desde então compartilharam que a Sony deixou o estúdio para resolver seus próprios problemas e não foi responsável pelas demissões, com o CEO Pete Parsons assumindo a responsabilidade.

No entanto, fontes na época também disseram ao IGN que quando perguntaram aos líderes se tinham considerado reduzir os salários antes de tomarem decisões de despedimento, um deles respondeu que a Bungie não era “esse tipo de empresa”. Internamente, só cresce o sentimento de que Destiny 2: A Forma Final precisa ter sucesso para que a Bungie evite mais turbulências internas.

Com informações de: Rock Paper Shotgun


Game Arena tem muito mais conteúdos como este sobre esportes eletrônicos, além de games, filmes, séries e mais. Para ficar ligado sempre que algo novo sair, nos siga em nossas redes sociais: TwitterYouTubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Notícias

1

Notícias

Sonic Frontiers 2 estaria em desenvolvimento, diz rumor

2

Notícias

Silent Hill 2 Remake pode mudar rosto do protagonista após feedback dos fãs

3

Notícias

Watch Dogs: franquia está “morta e enterrada”, diz insider

4

Notícias

NBA 2K: 2K vence processo contra tatuador de LeBron James

5

Notícias

EA critica Conselho de Classificação Japonês por banir Dead Space, mas aprovar Stellar Blade – Entenda o caso