ótima iniciativa para o cenário

Psicólogo cria grupo de apoio para cenário de Esports

Gabriel Tavares, psicólogo ex-LOUD, anunciou projeto para ajudar pessoas do cenário com problemas de saúde mental

Psicólogo

Foto: Freepik.

Gabriel Tavares, psicólogo ex-LOUD, anunciou projeto para ajudar pessoas do cenário com problemas de saúde mental

O psicólogo Gabriel Tavares, ex-psicólogo da LOUD e da Vikings, desenvolveu um mega projeto chamado IAPE, Iniciativa de Acolhimento Psicológico nos Esports, visando um maior debate e atendimentos para pessoas fazem parte do cenário e estão sofrendo com problemas de saúde mental.

A iniciativa partiu do psicólogo após ele detectar como tem sido negativa a forma como a saúde mental vem sendo tratada no mundo dos jogos eletrônicos. O anúncio foi feito na última terça-feira (23), no perfil do profissional no X.

Contactado pela Game Arena, Gabriel afirmou que a iniciativa já conta com 15 inscritos de ontem para hoje. As pessoas que estiverem em caso clínicos considerados críticos e procurarem o projeto terão os primeiros atendimentos gratuitos.

“Os primeiros atendimentos gratuitos para aqueles que estão em mais situações críticas em caso clínico. Ideação suicida, pensamento suicida, depressão, depressão severa, leve, qualquer modalidade. Esses vão ter maior prioridade de atendimento e acolhimento.”

“Vai ser feita uma triagem, um atendimento ali onde o psicólogo ou a psicóloga, a gente está dando essa opção. Acho que é importante ressaltar para o paciente se sentir mais confortável com a obra. Vamos tentar trazer psicólogos não binários, trans, para poder acolher toda a população gamer.” – afirmou Gabriel.

LEIA MAIS

Gabriel detalhou que as consultas serão realizadas de forma on-line e que o projeto irá desenvolver uma plataforma acolhedora, como um canal de urgência. Em caso de avanço, a plataforma poderá ter psicólogos de plantão para atender pessoas em momento de crise.

Outra ideia do psicólogo é ter uma criação de conteúdo voltado para as redes sociais falando sobre o tema de forma explicativa que será realizado por um grupo de estudantes de psicologia, supervisionado pelos próprios psicólogos, com o intuito de falar sobre o tema e buscar pessoas através das redes sociais.

Por fim, a ideia de Gabriel é que o projeto vire uma instituição a longo prazo e que seja benéfico para a comunidade dos jogos eletrônicos, que vem sofrendo com problemas de saúde mental. Ele espera que o projeto se mantenha e ajudem pessoas necessitadas, não apenas por um período de poucos meses.


Veja também nossos vídeos. Veja quais equipes se classificaram para o RMR Américas 2024:

Acompanhe a Game Arena nas redes sociais: TwitterYoutubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Esports

1

Esports

R6: diretor criativo da Ubi fala sobre toxicidade, anti-cheats e mais

2

Esports

VALORANT: fnatic ficará de fora de um mundial pela 1ª vez

3

Esports

RMR Américas: PGL não vai aderir atualização no torneio

4

Esports

RMR Américas 2024: guia do classificatório regional ao Major

5

Esports

PUBG MOBILE: com line BR, Liquid entra para cenário