Counter-Strike 2

GET Rio: FURIA faz jogo tranquilo contra W7M e está na final

FURIA conseguiu vencer W7M Esports por 2 a 0 e está na decisão da GET Rio

GET Rio: FURIA faz jogo tranquilo contra W7M e está na final

Foto: Luc Bouchon/ESL

O time feminino da FURIA conseguiu levar a melhor contra a W7M Esports e está na grande final da etapa feminina da GET Rio. A equipe fez uma partida tranquila nos dois mapas e agora se prepara para a decisão contra o Fluxo.

LEIA MAIS:

A FURIA conseguiu confirmar o favoritismo contra a W7M ao vencer os dois mapas disputados por uma grande vantagem. Elas não conseguiram sofrer dois dígitos em pontos nos dois mapas disputados neste domingo (21).

O duelo teve início na Anubis, onde a superioridade Furiosa foi mais do que aplicada ao vencer o confronto por 13 a 3. A Ancient apareceu como o segundo mapa da disputa e o resultado não divergiu muito do anterior, com triunfo sólido por 13 a 2.

Escalações

FURIA

  • kaah
  • GaBi
  • izaa
  • gabs
  • bizinha
  • RMN (treinador)

W7M Esports

  • hera
  • josi
  • Le^
  • lulitenz
  • cAmyy
  • Adriano (treinador)

GET Rio feminino

O GET Rio feminino acontece apenas neste domingo (21), no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro. O campeonato conta com a presença de MIBR, Fluxo, FURIA e w7m, que disputam uma premiação total de US$ 10 mil – aproximadamente R$ 52 mil.


Assista também nossos vídeos. Neste aqui, entrevistamos o fundador do MIBR, Paulo Velloso, que deu sua visão atual sobre os esports:

Siga a Game Arena nas redes sociais: TwitterYouTubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Counter-Strike 2

1

Counter-Strike 2

EWC 2024: “Não é interessante para mim”, yuurih sobre jogar em times internacionais

2

Counter-Strike 2

EWC 2024: “Deixou um grande vácuo”, s1n sobre saída de malbs da M80

3

Counter-Strike 2

EWC 2024: FURIA vence TheMongolz pela 1ª vez e avança aos playoffs

4

Counter-Strike 2

EWC 2024: sidde detalha quadro de saúde de chelo: “Está debilitado”

5

Counter-Strike 2

EWC 2024: nak desaprova resultados do MIBR: “Inaceitável”