Colunas

Review Super Mario RPG Remake: gostinho de quero mais

Gráficos estonteantes e pouco conteúdo extra marcam Super Mario RPG Um dos jogos mais inusitados e aclamados dos anos 1990,...

Super Mario RPG

Gráficos estonteantes e pouco conteúdo extra marcam Super Mario RPG

Um dos jogos mais inusitados e aclamados dos anos 1990, Super Mario RPG surgiu como uma colaboração entre dois titãs da indústria, quase como se, nos dias de hoje, a Marvel fizesse um filme de Fortnite.

Leia mais:

Quase 30 anos depois, saindo absolutamente do nada, a Nintendo trouxe ao mundo um remake de Super Mario RPG, disponível exclusivamente para Switch, e que une a magia do passado com recursos da modernidade.

E depois de muitas e boas horas no controle Mario, Mallow, Geno, Peach e até de Bowser, chegou a hora de trazer o meu veredito sobre Super Mario RPG Remake.

A História

Super Mario RPG

O remake de Super Mario RPG é extremamente fiel ao jogo original, de 1996, então a história do game, em si, não possui absolutamente nenhuma diferença nesta nova versão.

O que é algo extremamente benéfico, no fim das contas, uma vez que a trama original já era muito divertida e instigante.

No game, um novo e misterioso vilão, conhecido como Smithy, invade o castelo de Bowser e simplesmente surrupia as estrelas da Star Road.

Super Mario RPG

A chegada de um novo inimigo cria um grupo inesperado ao redor de Mario, o grande herói do Reino Cogumelo, na busca por derrotar Smithy e restaurar a paz do mundo.

Se por um lado, a manutenção da história original de Super Mario RPG é algo positivo, a falta de qualquer conteúdo adicional é uma enorme oportunidade que a Nintendo deixou passar. Mesmo que algo menor, um extra seria incrível para coroar o trabalho.

Até existe uma excelente possibilidade de enfrentar novamente os chefões do game, mas não é algo exatamente relacionado à história em si.

O Gameplay

Super Mario RPG

Assim como a história, o gameplay de Super Mario RPG foi mantido quase que 100% como era no original. O combate por turnos com o temperinho dos comandos de ação nos ataques e defesas, que tanto inspirou o delicioso Sea of Stars, neste ano, está de volta.

No combate, a principal adição é um novo ataque especial, chamado de “Triple Move”, que pode ser usado quando uma barra percentual está completa. Esse medidor, conhecido como “Action Gauge”, é preenchido com o uso dos comandos de ação, e podem melhorar alguns atributos dos personagens naquela determinada batalha.

Dependendo do trio de personagens escolhido para o momento, esse golpe poderoso muda, sempre com animações muito bonitas.

Super Mario RPG

Além disso, todos os minigames e momentos mais “fora da caixa” de Super Mario RPG foram mantidos, então situações como navegar por uma cachoeira gigante ou tocar uma música especial pulando em sapos seguem presentes.

Outra novidade aqui é a introdução de um novo nível de dificuldade, mas aqui eu acho que a Nintendo se equivocou, uma vez que Super Mario RPG nunca foi um jogo exatamente desafiador, e a chegada de um modo ainda mais fácil, sem a inclusão de um mais difícil, foi mais uma oportunidade desperdiçada.

Dois pontos novos que servem como melhorias de “qualidade de vida” para o game são a possibilidade de viajar entre diversos pontos do mapa a qualquer momento e o salvamento automático entre regiões.

Gráficos e Trilha Sonora

Super Mario RPG

Aqui é onde o remake de Super Mario RPG brilha mais intensamente que as sete estrelas da Star Road. O trabalho feito na modernização gráfica do jogo é absolutamente estonteante, e lembra muito o que aconteceu em The Legend of Zelda: Link’s Awakening, de 2019.

Os cenários estão lindos e vivos, trazendo um deleite visual aos jogadores que acompanham a jornada de Mario e companhia.

Fora os cenários, outros aspectos visuais de Super Mario RPG também foram contemplados com o “glow up” do remake. Menus têm interfaces modernas, que, além de muito bonitas, ficaram bem mais claras e organizadas.

Super Mario RPG

Por fim, a introdução de belíssimas cut scenes em momentos importantes da história ajuda a fechar o pacote com chave de ouro.

Na parte da trilha sonora, Super Mario RPG ganhou uma versão completamente modernizada, com um toque mais orquestrado, para as músicas do game. Mas ainda conta com a opção de ser jogado com o áudio da versão original.

Os efeitos sonoros estão geniais, com uma mistura de sons característicos de outros jogos da franquia, como o tradicional barulinho do personagem entrando em um cano ou pulando em uma mola, com trechos exclusivos de Super Mario RPG.

Conclusão

Super Mario RPG

O remake de Super Mario RPG é aquele aluno que fez um excelente trabalho na escola, mas que acabou perdendo pontos que o separam de uma nota perfeita.

Os gráficos e a trilha sonora renovados estão absolutamente incríveis, mas a falta de novos conteúdos de história, que trouxessem um extra para quem jogou o original, é um baita oportunidade perdida pela Nintendo.

Em um ano em que me apaixonei por Sea of Stars, voltar a sentir o coração quentinho com Super Mario RPG é quase que o fechamento de um ciclo canônico da minha vida, mesmo que eu tenha ficado com um gostinho de “quero mais”.

APROVEITE PARA CONFERIR OS VÍDEOS E O CANAL DO YOUTUBE DA GAME ARENA. NESTE VÍDEO, FAÇO UM REVIEW DE SUPER MARIO BROS. WONDER:


Game Arena tem muito mais conteúdos como este sobre esportes eletrônicos, além de games, filmes, séries e mais. Para ficar ligado sempre que algo novo sair, nos siga em nossas redes sociais: TwitterYoutubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Colunas

1

Colunas

Fallout: por onde começar a jogar?

2

Colunas

Guia de CoD: as melhores classes de fuzis de precisão no Warzone (Temporada 3)

3

Colunas

Guia de CoD: as melhores classes de escopetas no Warzone (Temporada 3)

4

Colunas

O que é a Sweet Baby Inc. e por que a empresa se tornou o novo “espantalho” dos games

5

Colunas

Guia de Ultimate Team: TOTW 30 traz astros ingleses e mudança no nível das cartas