Colunas

O Need for Speed que realmente merece um remake é o Underground

Eu venderia tudo por um Need for Speed Underground Remake Um vazamento, nesta quarta-feira (12), indica que Need for Speed...

need for speed underground

Eu venderia tudo por um Need for Speed Underground Remake

Um vazamento, nesta quarta-feira (12), indica que Need for Speed Most Wanted ganhará um remake em 2024, mas, na minha opinião, os grandes merecedores de uma nova versão, refeita do zero, são os lendários e saudosos Underground e Underground 2. Bora falar um pouquinho sobre o assunto.

Leia mais:

Lançados originalmente em 2003 e 2004, respectivamente, para PlayStation 2, Xbox, GameCube e PC, os jogos da série Need for Speed Underground foram disruptivos na época, trazendo o gameplay característico do DNA da franquia, aliado a um universo de personalização dos carros até então nunca antes visto nos games. Ao todo, os dois jogos venderam, somados, mais de 26 milhões de cópias no mundo.

O que me fez amar Need for Speed Underground foi todo o ambiente dos games, levando a franquia para o universo do submundo das corridas noturnas, com carros exóticos e tunáveis, e, é óbvio, a clara inspiração nos primeiros filmes de Velozes e Furiosos, que fizeram sucesso nos cinemas poucos anos antes. A magia de modificar completamente um Peugeot 206, aplicando uma pintura metálica e aquele neon pulsando nervoso por baixo do carro era inebriante. Desde então, sonhei por anos em ter um dois zero meia na vida real (Nota do editor: eu tive, sorte sua de não ter tido!)

need for speed underground

O feitiço de Need for Speed Underground já começava no loading inicial, com aquela abertura icônica da EA Games, e o “Challenge Everything” sussurrado que vinha na sequência. No menu, tocava a lendária “Get Low”, de Lil John & The Eastside Boys, no primeiro game, enquanto “Riders on the Storm”, na versão do The Doors com Snoop Dogg, estourava as caixas de som das TVs na abertura do segundo jogo. Que nostalgia!

E falando de trilha sonora, Need for Speed Underground praticamente não tinha música ruim. Além de Lil John e Snoop Dogg, ainda tínhamos as mais pesadas de Rise Against, Queens of the Stone Age, Xzibit e uma interminável e viciante lista que acompanhava as corridas mais alucinantes, e os trajetos mais tranquilos, sempre casando perfeitamente com o clima noturno dos jogos.

A enorme variedade de carros e customização fazia o fator replay de Need for Speed Underground ser virtualmente ilimitado. Não me cansava de dirigir pelas ruas de Olympic City e Bayview, usando, ora meu Peugeot 206 preto com neon verde, ora no inesquecível Nissan Skyline GT-R prateado com neon azul, exatamente igual ao pilotado por Brian O’Conner em + Velozes + Furiosos. Ainda sei de cor os atalhos e macetes para deixar os adversários comendo poeira enquanto cruzo a linha de chegada em primeiro lugar.

need for speed underground

Mas, este texto é para defender por que Need for Speed Underground merece um remake mais do que Most Wanted, e a razão para isso é simplesmente o fato de a EA nunca mais ter conseguido replicar o sentimento que só os Undergrounds foram capazes de causar nos jogadores. Alguns games na sequência até foram divertidos, como o próprio MW, Carbon e o mais recente, Unbound, mas sempre deixando faltar aquele “fator X”.

Imagina só: um Need for Speed Underground Remake, no qual você começa seguindo a história do primeiro jogo, chega no topo, por algum motivo precisa se mudar para Bayview, e revive a trama do segundo. Uma espécie de Pokémon Gold/Silver/Crystal, que tiveram suas aventuras em Johto, e levaram os jogadores de volta a Kanto no postgame. Eu venderia minha casa por este remake. Faça acontecer, EA, nunca te pedi nada!


Game Arena tem muito mais conteúdos como este sobre esportes eletrônicos, além de games, filmes, séries e mais. Para ficar ligado sempre que algo novo sair, nos siga em nossas redes sociais: TwitterYoutubeInstagramTik TokFacebook e Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Colunas

1

Colunas

O que o Xbox pode trazer de diferente com um possível portátil próprio?

2

Colunas

Tudo sobre Dragon Age 4: o que é ‘The Veilguard’, gameplay, lançamento e mais detalhes

3

Colunas

Ubisoft Forward | Beyond Good and Evil 2 é ausência confirmada no evento; onde está o jogo?

4

Colunas

PC Gaming Show | 12 Jogos para ficar de olho

5

Colunas

Guia de Ultimate Team: Copa América e Eurocopa chegam ao game