Valorant

Game Changers: meL mostra confiança para a final: “Podemos fazer qualquer coisa”

Em entrevista a Game Arena, meL falou sobre a Shopify Rebellion, decisão contra Liquid e relação com jogadoras O VCT...

meL

Foto: reprodução/Riot Games

Em entrevista a Game Arena, meL falou sobre a Shopify Rebellion, decisão contra Liquid e relação com jogadoras

O VCT Game Changers Championship 2023 (VALORANT Champions Tour) terá o embate que decide a campeã na tarde deste domingo (03), em São Paulo. meL, da Shopify Rebellion, concedeu entrevista exclusiva a Game Arena contando mais sobre disputar a grande final contra as brasileiras da Team Liquid (TL).

Começando o papo, meL falou sobre equipe que comanda, Shopify Rebellion, onde demonstrou bastante orgulho das meninas de chegarem em uma decisão de mundial. A jogadora afirmou que foi uma redenção, pois tudo que fizeram no passado, valeu a pena para hoje.

“Me sinto muito bem. Estou orgulhosa da minha equipe. Eu sinto que todo o esforço que você colocou no ano passado chegou até esse ponto. E isso realmente pagou. E, para mim, a redenção para minha velha equipe é óbvia. Estou muito feliz que eu e a Alexis pudéssemos fazer isso para nós mesmos e nossa velha equipe. Mas realmente estou muito orgulhosa de fazer isso. Minhas três parceiras que nunca viram um palco internacional.” – disse

Em seguida, meL abordou o assunto de como vem trabalhando com jogadores mais jovens. Ela afirmou que vem buscando melhorar o potencial individual da sua equipe e isso vem dado muito orgulho, mas que o trabalho ainda não foi concluído.

“Eu e a Lexi, que adotamos um papel de mentor e guia, ao invés da nossa velha equipe, e conseguimos levar eles até esse ponto. E elas nos confiam tanto e seguem nossa direção. E se tornam grandes jogadoras. Super vocal. Me faz muito orgulhosa de ver. Mas o trabalho não está feito, então nós levamos essa confiança para a grande final.” – afirmou.

meL
Foto: reprodução/Riot Games

LEIA MAIS

Em seguida, meL foi perguntada se a G2 foi a equipe mais difícil de se enfrentar durante o torneio. Ela ficou na dúvida com relação a isso, pois não enfrentou times como SMG e Liquid, mas lembrou que as europeias foram as únicas a tirar um mapa da Shopify.

“Eu não tenho certeza, porque nós não jogamos contra SMG ou Team Liquid Brasil. Obviamente, eu acho que no papel, porque elas são a primeira equipe a tirar um mapa de nós neste torneio. Mas, talvez, eu acho que vou ter que assistir mais a outra equipe.” – analisou

Sobre o confronto contra a G2, meL disse que a forma como foi, acabou sendo muito importante para a sua equipe, pois demonstrou que elas “podem fazer qualquer coisa” que terão respostas, demonstrando confiança para a decisão de logo mais.

“A forma como nós ganhamos, que foi como perder o primeiro mapa e ter a compreensão de voltar a ganhar mais dois mapas. Isso me deixa muito confiante para a grande final, porque agora nós sentimos que podemos fazer qualquer coisa. Podemos começar forte, podemos voltar de um mapa inteiro que foi completamente ruim. Então para nós, isso nos dá muita confiança para entrar na decisão.” – comentou.

meL
Foto: reprodução/Riot Games

Finalizando a entrevista, perguntada sobre a relação que ela tem com as jogadoras de outras equipes, meL não demonstrou tamanha união e simpatia com as adversárias, dizendo que não tem contato com os outros times, apesar de gostar das players.

“Não muito com a G2. Eu tenho amigos como a Roxy, mas o resto da equipe eu não falo muito. Eu acho que a Team Liquid Brasil, eu tenho alguns amigos naquela equipe que eu amo. E a SMG, eu sou grande fã delas, porque elas têm minha irmã indonésia, a Eri. A EG nos falamos um pouco. A Crew, não muito. A BBL, não muito. Apenas essas equipes mesmo.” – concluiu.

Em solo brasileiro, a equipe norte-americana da Shopify Rebellion irá disputar uma série melhor de cinco jogos (MD5) contra as brasileiras da Team Liquid a partir das 14h. Os times lutam pelo título mundial do VALORANT inclusivo e premiação da campeã de mais de R$ 886 mil.


Se você gostou deste conteúdo em texto, veja também nossos vídeos. Neste aqui, fizemos 25 perguntas de muito peso com Otsuka:

Game Arena tem muito mais conteúdos como este sobre esportes eletrônicos, além de games, filmes, séries e mais. Para ficar ligado sempre que algo novo sair, nos siga em nossas redes sociais: TwitterYoutubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Valorant

1

Valorant

VCT Americas Kickoff: em primeiro confronto, LOUD bate LEVIATÁN de Aspas e está nos playoffs

2

Valorant

VALORANT: Aspas bate qck em primeiro confronto direto

3

Valorant

VALORANT: Tuyz elege top 3 controladores do cenário

4

Valorant

VALORANT: “VCB mil vezes”, diz Daiki entre ser campeã mundial do inclusivo e disputar VCB

5

Valorant

VCT EMEA Kickoff: primeira equipe eliminada jogou apenas 6 mapas