Counter-Strike 2

CS:GO: Stickers do Major de Paris rendeu milhões a times brasileiros

O último da história do CS:GO foi o mundial em que os times mais lucraram com stickers O BLAST.tv Paris...

Stickers

Foto: divulgação/BLAST.tv.

O último da história do CS:GO foi o mundial em que os times mais lucraram com stickers

O BLAST.tv Paris Major 2023 se tornou histórico por ter sido o último mundial da era Global Offensive, após mais de 10 anos do jogo no cenário competitivo. Agora, a sua relevância aumentou ainda mais, após uma notícia surgir sobre a lucratividade dos stickers do mundial da França.

Segundo os portais Dust 2 Brasil e HLTV, o Major de Paris foi o mundial com a maior lucratividade em adesivos da história do Counter-Strike, chegando a números exorbitantes. Segundo a publicação, os números totais chegam a U$ 110 milhões de dólares, mais do que os Majors da Estocolmo e Antuérpia juntos, que chegam as cifras de U$ 70 milhões.

Os times brasileiros que participaram do mundial também lucraram alto. No mundial de Paris, Fluxo, FURIA e paiN Gaming participaram da competição. Segundo a matéria, as equipes faturaram, em média, R$ 20 milhões de reais.

Veja quanto cada time faturou com os stickers: 

  1. Fluxo – R$ 21,4 milhões de reais – Jogadores: R$ 1,2 milhões cada;
  2. FURIA – R$ 17,1 milhões de reais – Jogadores: R$ 975 mil cada;
  3. paiN – R$ 12.7 milhões de reais – Jogadores: 975 mil cada.

LEIA MAIS:

A diferença de montante dos times brasileiros se dá por conta de suas fases e também pela raridade de seus adesivos. O Fluxo, apesar de ser sigo challengers, disputou o primeiro Major de sua história, enquanto FURIA e paiN já tiveram outras participações.

Além disso, o repasse da Valve com a venda dos stickers foi determinante para a mudança de faturamento de cada time, além da lucratividade tão alta do mundial, por ter sido o último Major da história do CS:GO.

Veja quanto cada time faturou com os stickers de acordo com a sua posição final no mundial:

Times

  • Contenders: US$ 4,4 milhões (R$ 22 milhões)
  • Challengers: US$ 2,6 milhões (R$ 12,7 milhões)
  • Legends: US$ 3,5 milhões (R$ 17,1 milhões)

Jogadores

  • Contenders: US$ 250 mil (R$ 1,2 milhão)
  • Challengers: US$ 200 mil (R$ 975 mil)
  • Legends: US$ 200 mil (R$ 975 mil)
  • Champions: – (valor não confirmado).

Assista também nossos vídeos. Neste aqui, veja os times classificados para o Closed Qualifier do RMR Américas:

Acompanhe a Game Arena nas redes sociais: TwitterYoutubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Counter-Strike 2

1

Counter-Strike 2

CS2: 100º torneio IEM não terá time do Brasil

2

Counter-Strike 2

CS2: FURIA anuncia retorno de bizinha

3

Counter-Strike 2

RMR Europa: três times brigam pela última vaga

4

Counter-Strike 2

CS2: jogador cria conceito de chaveiros à la Valorant

5

Counter-Strike 2

PGL Major: “patético”, vvv desabafa sobre transmissão