primeira entrevista do RMR

RMR Américas: NEKIZ fala sobre função de IGL, comandar cold e mudança ao NA: “Depois do Major”

Capitão da Legacy, NEKIZ falou antes da estreia da equipe contra a paiN Gaming no RMR Américas 2024

NEKIZ

Foto: Game Arena.

Gabriel ‘NEKIZ’ Schenato foi o primeiro jogador a conceder entrevista exclusiva à Game Arena durante a cobertura presencial do Regional Major Ranking (RMR) Américas 2024, diretamente de Monterrey, no México.

Sem descanso

O novo capitão da Legacy começou o papo falando sobre o porquê da equipe ter aberto mão das férias de fim de ano e quão isso foi importante para o desenvolvimento do time.

“A gente estava em uma fase ruim com as mudanças que aconteceram na época – saída do nqz, mudança de IGL… A gente precisava de um foco maior nessas mudanças, para nos sentirmos mais confiantes. Com certeza foi a melhor coisa que a gente fez. Conseguimos classificar tranquilo no Closed do RMR e que bom que não tivemos férias.” – afirmou.

Ainda sobre o assunto, NEKIZ foi perguntado se essa decisão poderia trazer malefícios ao time no futuro. Ele acredita que não e afirma que todos estavam de acordo.

“Teria malefícios se todos não concordassem com o que fizemos, mas acredito que os sete que fizeram parte disso estavam dispostos a abdicar das férias por um objetivo maior. Então acredito que não terá problema lá na frente, porque todo mundo está com esse pensamento de conseguir essa vaga.” – disse.

Comandar Coldzera

Sobre Marcelo ‘coldzera’, duas vezes melhor do mundo e principal estrela da equipe, NEKIZ revelou como é comandar um jogador de carreira tão vitoriosa e experiente. Ele afirma que o pensamento popular sobre o jogador é muito diferente da realidade.

“Ele é bem aberto a novas opiniões e isso é o mais importante. Não é difícil trabalhar com ele, é uma pessoa muito fácil de dar opiniões. Ele dá as dele e a gente consegue fazer uma junção boa dentro de jogo. O pessoal de fora acha que será difícil capitanear ou moldar o time de uma certa forma por ter um cara desse tamanho, mas no fim das contas é bem tranquilo.” – revelou.

LEIA MAIS:

Estendendo o assunto Coldzera, NEKIZ falou sobre a nova função de AWP que o companheiro desempenha no time. Para o capitão, o duas vezes melhor do mundo em 2016 e 2017 irá performar bem e relembrou momentos do auge do jogador.

“Lembro que na época da SK e MIBR, quando assistia ele jogando como segundo awper, ele desempenhava absurdo, amassava demais. Lembro do galinheiro da Cobblestone e outras posições, ele era insano. Quando tivemos a opção dele virar awper, eu já pensei que ele vai amassar, pois no auge dele, ele já amassava e obviamente continuará amassando. Então realmente, ele manda bem de awper.” – relembrou.

Função de IGL e mudança ao NA

NEKIZ
Foto: divulgação/Legacy.

NEKIZ também está exercendo novo função como capitão. Nem sempre foi assim. A respeito disso, ele falou que a parte mais difícil foi no começo da sua jornada, onde precisou criar uma estrutura de jogo que gosta. Agora, ele já enxerga o time progredindo.

“A parte difícil foi no início, quando você tem que criar uma estrutura, fazer com que o time jogue da forma que você mais gosta… Eles tinham a forma que eles gostavam de jogar, das raízes com o TACO e outros capitães, mas para trazer para essa forma que eu gosto de jogar tem que ser um processo devagar, não é algo que muda do nada. Esse começo foi difícil, mas a partir do momento que criamos a estrutura na forma de jogar, o time só engrenou.” – avaliou.

Finalizando, NEKIZ falou sobre a mudança da Legacy para o NA, revelou provável data da ida e como ele enxerga o cenário competitivo da região atualmente.

“A mudança será para depois do Major, se não me engano. Há dois anos ela não seria viável porque acho que o cenário norte-americano estava bem fraco, para ser sincero. Na época, eu saí do NA e pensei que não tinha margem de evolução, mas acho que não é o caso de hoje em dia. Temos Liquid, Complexity, Wildcard, M80… Vários times que conseguimos competir no alto nível e manter esse nível alto para poder jogar os campeonatos importantes, se você se classificar para uma ESL, IEM.” – concluiu.

NEKIZ e a Legacy estreiam no Regional Major Ranking (RMR) 2024 contra a equipe da paiN Gaming, em uma espécie de “lei do ex” para ele. As duas equipes entram em campo às 18 horas, horário de Brasília, em série melhor de um mapa.


Assista a mais vídeos nossos. Neste aqui, conversamos com Américo, Manager da Legacy de CS2, que detalhou o nascimento da organização e futuro do time de Counter-Strike:

A Game Arena está fazendo a cobertura presencial do RMR Américas 2024. Siga a Game Arena nas redes sociais para saber tudo sobre o campeonato: TwitterYoutubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Counter-Strike 2

1

Counter-Strike 2

IEM Chengdu 2024: Dev1ce soca monitor após PC travar; veja o vídeo

2

Counter-Strike 2

IEM Chengdu: device, sobre se tornar IGL: “Me devolveu a felicidade”

3

Counter-Strike 2

CS2: GET Rio montará sala para equipes jogarem qualifier

4

Counter-Strike 2

Major Copenhagen: Stickers deram “lucro normal”, revela GM da COL

5

Counter-Strike 2

CS2: veja o mascote do Major de Xangai