busca pela vaga ao Major

RMR Américas: latto exalta “pai” coldzera e crava: “Vamos dar nosso máximo pela vaga”

Após eliminar o MIBR, latto falou com a Game Arena, explicou pistols da Legacy e projetou confronto contra a M80 de logo mais

latto

Foto: Game Arena.

A vitória da Legacy colocou o time no último dia de disputas do RMR Américas 2024 de Counter-Strike 2 (CS2) e deixou a chama da quarta vaga para o Brasil acesa. Após o triunfo por 2 a 0, Bruno ‘latto’ Rebelatto foi entrevistado pela Game Arena.

O jogador começou falando sobre a trajetória da equipe no campeonato. Latto revelou que a equipe teve uma boa preparação na Europa, mas admitiu um começo lento no RMR.

“A gente teve um começo estranho. Estávamos treinando muito bem na Europa, mas no primeiro jogo nem andamos no mapa contra a paiN, essa é a realidade. Depois voltamos, conversamos para melhorar e resetar para os próximos jogos. Funcionou, estamos em uma sequência muito boa contra a Nouns, perdemos o primeiro mapa e ganhamos os dois. E hoje estávamos confiantes, a vitória deu um boost de confiança e estávamos bem confiantes de ganhar de 2 a 0 deles, e graças a Deus isso que aconteceu.” – afirmou.

Sobre a performance individual do jogador, um dos destaques do time no campeonato, latto foi humilde e creditou o bom momento vivido no torneio para seus teammates.

“O time todo ajuda a ter esse tipo de performance. A gente vem com essa confiança desde os treinos da Europa e ela só foi passada para o server. É mais isso, eu vejo o time inteiro confiante e se ajudando. Independente se tem um jogador abaixo, outro estará performando muito bem. É isso que faz um time muito bom, os cinco se ajudando e estando bem.” – disse.

Falando em teammates, latto exaltou a estrela da Legacy, Marcelo ‘coldzera’, grande destaque da vitória da equipe sobre o MIBR e uma espécie de “pai” para ele. Segundo o player, é bom ter um jogador desse calibre nos momentos decisivos da temporada.

“É muito bom porque é um cara muito especial, foi duas vezes melhor do mundo e sabe como chegar lá. Ele passa muita experiência para a gente e é muito decisivo. Em partidas que a gente precisa dele, ele aparece e joga muito. É incrível ter um player assim no time, porque você sabe que pode confiar muito nele. E não só ele, os cinco jogadores estão aparecendo nos momentos decisivos, então está tudo bom e eu espero que consigamos manter isso para amanhã.” – contou.

LEIA MAIS

latto
Foto: divulgação/PGL.

Nas duas últimas MD3, a Legacy venceu 5 dos 6 pistols disputados. Abordando o assunto, latto revelou que a equipe teve um preparo maior no round e explicou que, vencendo os pistols, o time tem uma chance maior de vencer as partidas por conta da economia do MR13.

“Estávamos perdendo muito pistol ano passado lá na Europa e perdemos muitos jogos. Decidimos dá um a mais nos pistols, agora no CS2 é muito mais importante por causa do MR13. E cada round conta muito mais do que contava no CS:GO, por conta da economia. A gente viu que, se trabalhássemos mais o pistol, teríamos mais chances de vencer a partida.” – explicou.

Finalizando, latto falou o que esperar da Legacy no confronto contra a M80, que pode dar a quarta vaga para o Brasil no PGL CS2 Major Copenhagen e o primeiro da história da organização recém-criada.

“Vamos entrar com a mesma cabeça contra Nouns e MIBR, manter os pés no chão. Apesar de estarem jogando com coach, continua um time muito difícil. Eles ganharam várias vagas no NA, jogando bem na Europa. Vamos manter os pés nos chão e dar nosso máximo para essa quarta vaguinha do Brasil no Major e espero que todos torçam pela gente.” – concluiu.

Legacy e M80 se enfrentam logo mais, às 16 horas, horário de Brasília, valendo a quarta vaga da região das Américas ao primeiro Major da história do Counter-Strike 2.


Assista a mais vídeos nossos. Neste aqui, conversamos com NEKIZ, capitão da Legacy, antes do começo do RMR:

A Game Arena está fazendo a cobertura presencial do RMR Américas 2024. Siga a Game Arena nas redes sociais para saber tudo sobre o campeonato: TwitterYoutubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Counter-Strike 2

1

Counter-Strike 2

CS2: jogada de Scout com tiros impossíveis viraliza nas redes

2

Counter-Strike 2

CCT Finals: MIBR perde em partida emocionante e está eliminado

3

Counter-Strike 2

CS2: Lucas1 anuncia nascimento do primeiro filho

4

Counter-Strike 2

CS2: primeiro Major de 2025 deve ser nos Estados Unidos

5

Counter-Strike 2

CS2: MOUZ não teve nenhum MVP nos últimos 6 títulos conquistados