Eurocopa

‘Será preciso ficar atento’ a Mbappé, alerta Rodri antes da semifinal Espanha x França

Espanha e França se enfrentam em busca de uma vaga final da Eurocopa 2024

Rodri pediu atenção especial sobre Mbappé. Foto: LLUIS GENE/AFP

Adicionar novo post ‹ Game Arena — WordPress

Mbappé vive uma má fase, mas nem por isso deixa de ser uma ameaça, segundo Rodri

O meio-campista da seleção espanhola Rodri declarou nesta segunda-feira (8) durante a coletiva de imprensa que não acredita na aparente má fase do astro francês Kylian Mbappé, antes da semifinal entre França e Espanha, nesta terça-feira.

“Não confio no que falam. Ele é um jogador que pode fazer a diferença com muita facilidade, tem a capacidade de causar estragos, esteja ele bem ou mal e se estiver em campo será uma ameaça e será preciso ficar atento”, analisou o volante durante a entrevista coletiva em Munique.

No entanto, o jogador do Manchester City insistiu que a França “é mais do que Mbappé”.

“É uma equipe que defende muito bem, que contra-ataca… Chegaram a muitas finais nos últimos anos, é um adversário muito difícil mas temos as nossas armas, vamos levar o jogo para onde queremos”, disse ele. “Não vamos com medo, vamos com a segurança de como estamos fazendo as coisas, já mostramos que podemos vencer qualquer um”.

A Espanha entra nas semifinais com três desfalques importantes em seu time titular, circunstância que não parece intimidar o jogador de 28 anos.

“Acho que temos bons jogadores suficientes para resolver essa situação”, respondeu ele.

Dado o grau de exigência de uma semifinal contra uma seleção de tão alto nível, Rodri destacou os valores da ‘Roja’.

“Estamos mostrando que somos uma equipe muito sólida e não é por acaso. Além do talento, falamos da solidariedade, de como terminamos os jogos, exaustos, sem mais nada para contribuir e isso fala bem do esforço que a equipe está fazendo”, concluiu.

De la Fuente: “Mbappé é um gênio”

Um sacrifício que voltará a ser necessário contra a França, que nas palavras do técnico Luis de la Fuente, tem um estilo “totalmente diferente”.

“A França joga confortavelmente sem bola. Tentaremos estar atentos nessas situações de contra-ataque”, declarou o treinador espanhol, que reconhece que a Espanha não se beneficia de “um jogo de ida e volta, porque somos uma equipe preparada para o controle e domínio do jogo”.

Luis de la Fuente tampouco baixa a guarda em relação a Mbappé, que marcou apenas um gol no torneio (contra a Polônia, na fase de grupos, de pênalti).

“Você pode se dar ao luxo de não estar no jogo e decidir em duas ações. Mbappé é um gênio, um craque”, analisou, insistindo que a ‘Roja’ tem “jogadores para minimizar as condições e possibilidades de jogar” do capitão francês e de seus outros companheiros no ataque.

“Estamos onde queríamos estar”, concluiu o treinador, prometendo que farão “tudo o que estiver ao nosso alcance para chegar à final”.

COMPARTILHE

Bombando em Esportes

1

Esportes

Ceará anuncia volante Andrey como reforço até o fim da temporada

2

Esportes

O caminho da Seleção Feminina de Vôlei em Paris 2024: veja detalhes, horários e rivais nos Jogos Olímpicos

3

Esportes

Conselheiros do Grêmio pedem retirada de homenagens a Roger Machado após ida para o Inter

4

Esportes

Palmeiras descarta fratura em Estevão após exames, mas data para retorno é incerta

5

Esportes

Futebol em Paris 2024: confira 5 jogadores para ficar de olho