Anime

Naruto: TV Tokyo vence processo contra vendedores de produtos falsificados

Naruto é uma paixão mundial para diversos fãs de anime. Com certeza, tamanho amor pela obra de Masashi Kishimoto gera...

Naruto produto falsificado

Naruto é uma paixão mundial para diversos fãs de anime. Com certeza, tamanho amor pela obra de Masashi Kishimoto gera dezenas de produtos relacionados ao universo do ninja de laranja.

Muitos deles de origem duvidosa e até não oficial.

Recentemente, a TV Tokyo Corporation ganhou a sua batalha legal contra vendedores de produtos falsificados de Naruto nos Estados Unidos.

Naruto
A obra de Kishimoto é uma das mais queridas da Jump no Ocidente

Em 18 de dezembro de 2023, o Tribunal Distrital do Norte de Illinois decidiu a favor da TV Tokyo em um processo de violação de marca registrada contra vários vendedores de produtos falsificados de Naruto.

O processo foi dado entrada em 29 de setembro pela TV Tokyo contra empresas e pessoas físicas da China e “outras jurisdições estrangeiras”. Estes estariam comercializando produtos falsificados de Naruto através de sites dirigidos ao público dos Estados Unidos,a exemplo do eBay.

Com foco na violação de marca registrada “Naruto”, foram efetuadas acusações de violação e falsificação de produtos utilizando a marca. Além disso, foram registradas acusações de  falsa designação de origem e violação da Lei de Práticas Comerciais Enganosas.

Os réus foram condenados a parar de utilizar as marcas registradas de Naruto, além de receberem uma multa de 50 mil dólares, que será paga à TV Tokyo.

Naruto falsificado
Será o fim das falsificações do Ninja Laranja?

Junto com a condenação, as plataformas de vendas  como Amazon, Walmart e eBay estão proibidas de usar ou vincular as contas usadas para vender mercadorias falsificadas.

Ao todo, foram notificadas 301 pessoas e empresas, sendo que nenhum dos citados na acusação  apareceu para defender a sua causa no tribunal.

LEIA MAIS

Sites sobre Naruto também foram notificados

A ação também envolveu o registro da marca “Naruto” ligado a diversos registros e registradores de domínios de websites.

Empresas como GoDaddy, Neustar, Nominet e outras foram notificadas a desativar os nomes de domínio dos réus e os tornarem inativos. Com isso, centenas de site que usem termos ligados a marca “Naruto” poderão sair do ar em breve, a grande maioria de origem chinesa. 

Este é o sétimo resultado favorável  de um total de 16 processos adicionados ao Distrito Norte do Illinois pela TV Tokyo entre maio de 2023 e 3 de janeiro de 2024.

No total, sete casos estão em andamento, com dez casos encerrados, a decisão foi sempre favorável para a TV Tokyo.

*Com informações da Anime News Network


Game Arena tem muito mais conteúdos como este sobre esportes eletrônicos, além de games, filmes, séries e mais.
Para ficar ligado sempre que algo novo sair, nos siga em nossas redes sociais: TwitterYoutubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Anime

1

Anime

Ruri Dragon: Mangá da Shonen Jump retorna de hiato após quase 2 anos

2

Anime

Sword Art Online Alternative: Gun Gale Online confirma novidades sobre a 2ª temporada

3

Anime

Demon Slayer: Kimetsu no Yaiba – Novo filme já vendeu mais de 1 milhão de ingressos mundialmente

4

Anime

Suzume: Produtor do filme é preso por suspeita de produção de pornografia infantil – Entenda

5

Anime

Black Clover: Arco Final recebe animação espetacular feita por fã – Confira