Pirataria de animes

Operação contra pirataria de animes é deflagrada pelo Brasil – Veja os detalhes

Ação promovia pelo Ministério da Justiça visa "reprimir crimes praticados na internet contra a propriedade intelectual de animes e quadrinhos webtoons"

Animes pirataria

A casa caiu para os sites e grupos que pirateiam animes e webtoons. Na última quinta-feira (25), diversas autoridades brasileiras iniciaram a “Operação Animes” em sua segunda fase, com foco em “reprimir crimes praticados contra propriedades intelectuais na internet, especificamente em relação à variedade de animações japonesas e coreanas”.

A ação faz parte de uma força-tarefa conjunta entre a Diretoria de Operações Integradas e de Inteligência (Diopi), por meio do Laboratório de Operações Cibernéticas (Ciberlab), do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP).

Animes solo leveling

A operação contou também com a cooperação da Content Overseas Distribution Association (CODA), associação sediada no Japão, e com a Copyright Overseas promotion Association (COA), da Coreia do Sul. O primeiro órgão é focado nos direitos autorais de animes, já a segunda possui como principal marca as webtoons coreanas, entre elas “Solo Leveling” e “Tower of God”.

Além de todos estes órgãos e entidades, atuaram na operação vários ministérios e órgãos dos governos do Japão e da Coreia do Sul.

Leia mais

A operação contra pirataria de animes atuou em cinco estados

As Polícias Civis dos estados de Alagoas, Ceará, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e São Paulo cumpriram 11 mandados de busca e apreensão.

O foco da operação foi a apreensão de HDs e dispositivos informáticos que demonstrem a materialidade de crime.

Além disso, também ocorreram pedidos para bloqueio de sites que distribuem animes e manwhas de forma não autorizada. Por fim, o pedido foi estendido para a retirada destes sites em mecanismos e plataformas de busca, como o Google.

One Piece Anime

Vale registrar que a pena para quem pratica pirataria e distribuição é de dois a quatro anos de reclusão e multa. Além disso, os investigados podem responder também por associação criminosa e lavagem de capitais.

A primeira fase da operação desencadeou no fechamento de diversos sites de scans de mangás e distribuição de animes, entre eles vários focados em One Piece.

*Com informações do Ministério da Justiça e Segurança Pública


Game Arena tem muito mais conteúdos como este sobre esportes eletrônicos, além de games, filmes, séries e mais. Para ficar ligado sempre que algo novo sair, nos siga em nossas redes sociais: TwitterYouTubeInstagramTik TokFacebook Kwai.

COMPARTILHE

Bombando em Anime

1

Anime

Kaiju No. 8 – Agora vai ter porrada boa (torcendo) – Preview do episódio 7

2

Anime

Netflix aumenta os preços no Brasil; veja novos valores:

3

Anime

TOHO anuncia compra do Science SARU, estúdio responsável por Scott Pilgrim da Netflix

4

Anime

Disney+: revelados novos preços das assinaturas após integração com Star+

5

Anime

Wuthering Waves: Conheça o rival de Genshin Impact – Data de lançamento, informações sobre gasha e mais